As biólogas Emily Leffa e Tatiana Colla estiveram no clube na tarde desta quarta-feira para realizar o levantamento das árvores localizadas na ilha, uma das ações da Vice-comodoria de Obras e Patrimônio com objetivo de regularização da Ilha dos Jangadeiros junto aos órgãos ambientais. O processo começa com a análise da espécie da árvore. Em seguida é realizada a avaliação do estado fitossanitário, que identifica se a árvore está machucada, doente ou com algum parasita.

IMG_0722

Salseiro

A árvore recebe a fita zebrada (imagem abaixo) quando está imune à corte, conforme o Código Florestal do Rio Grande do Sul. “Geralmente elas estão situadas em mancha, quando estão agrupadas de uma forma mais densa”, ressaltou Emily.

IMG_0723[1]

Figueira com fita zebrada.