Principal agenda nacional da classe, o Janga entra na disputa com 12 atletas nas categorias Veteranos e Estreantes. A Escola de Vela Lars Grael, em Ilhabela/SP, vai reunir de 5 a 15 de janeiro cerca de 200 dos melhores velejadores de Optimist.

E para quem não sabe esta classe é a porta de entrada profissional do esporte. É praticada em um barco monotipo, com apenas um velejador, com idade entre 7 e 15 anos.

Nos dois primeiros dias, a programação será de reuniões técnicas e confirmações das inscrições. Na segunda-feira (7), às 19h, estão previstos a cerimônia de abertura e o desfile oficial do campeonato no Centro Histórico da cidade. Na terça-feira (8), às 13h, começam as regatas que contam pontos para o campeonato.

Nesta edição, o campeonato será divido em dois: Copa Brasil de Estreantes, para aqueles que nunca correram um campeonato oficial, a ser disputado entre os dias 9 e 11 de janeiro, e o Campeonato Brasileiro, que será realizado entre os dias 5 e 15.

Durante o evento, a Confederação Brasileira de Vela estará promovendo o Conhecendo Novas Velas. Os atletas poderão experimentar barcos das classes 420, Snipe, Laser, Hobie Cat 16, RS:X e 29er. “Esse momento de passagem é crucial na formação dos velejadores. É fundamental que os atletas tenham a oportunidade de conhecer na prática as embarcações e ver como se adaptam a cada uma delas”, explica Juan Ignácio Sienra, coordenador da Vela Jovem da CBVela.

Vale lembrar que o Brasileiro é classificatório para o Sul-Americano de Optimist, agendado para abril de 2019, no Chile, e também será uma das etapas eliminatórias para os Campeonatos Mundiais, Norte-Americano e Europeu.